Julho Amarelo marca mês de conscientização e prevenção às hepatites virais


  • 12/07/2019 15h08 - Atualizado em 12/07/2019 15h12
  • WhatsApp

Julho Amarelo marca mês de conscientização e prevenção às hepatites virais


O mês de julho foi instituído como Julho Amarelo para conscientizar à população sobre os riscos, alertar sobre as formas de prevenção e estimular as pessoas a se vacinarem contra as hepatites A e B e a buscarem o diagnóstico precoce.

Segundo a coordenadora de Vigilância Sanitária, Diana Mussato, as doenças virais são doenças silenciosas e um problema de saúde pública no Brasil e no mundo. “Nesse sentido, o governo de Ibiaçá vai trabalhar durante todo este mês com informações, prevenções e orientações à população. As agentes de saúde visitarão às famílias com material informativo e também estaremos com a Unidade Básica de Saúde voltada para esta Campanha”, destaca Diana.

Conforme a coordenadora, os interessados em fazer o teste, podem passar na UBS e realizá-lo. “Estamos disponibilizando, na UBS, os testes rápidos, gratuitamente, para as hepatites B e C”, informa.

Além disso, Diana chama a atenção da população para ficar atenta, especialmente com os cuidados simples e que podem auxiliar na prevenção.

Na sequencia, algumas dicas sobre prevenção, sintomas e diagnósticos relacionados às hepatites virais.

PREVENÇÃO - Algumas medidas simples podem evitar a doença: lavar bem as mãos; ingerir somente água filtrada ou fervida; lavar bem os alimentos antes do consumo; sempre usar preservativos nas relações sexuais; evitar contato com sangue; exigir material esterilizado ou descartável em consultórios médicos, dentários, salões de beleza, estúdios de tatuagem e colocação de piercing; não compartilhar agulhas ou seringas, lâminas de barbear, escova de dentes, entre outros hábitos de higiene padrão.

SINTOMAS - Ainda que silenciosa, a hepatite pode apresentar sintomas tais como: mal-estar, fraqueza, dor de cabeça, febre baixa, falta de apetite, cansaço, náuseas e desconforto abdominal na região do fígado, icterícia (olhos e pele amarelados), fezes esbranquiçadas e urina escura. 

DIAGNÓSTICO - O diagnóstico da doença é feito através de teste rápido e/ou sorologia.  Atualmente, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece esses testes para diagnóstico das hepatites B e C, e caso necessário, disponibiliza tratamentos para a doença, ambos os serviços são gratuitos.

O Julho Amarelo foi instituído como mês de combate às hepatites virais. A Lei Nº 13.802, de 10 de janeiro de 2019, sancionada pelo presidente da República tem em seu texto que a Campanha acontecerá todos os anos, durante todo o mês de julho e em todo território nacional.

Redação: Fonte Agência de Jornalismo


Enviar por e-mail Imprimir

Fale conosco

Mande suas críticas e sugestões para o portal

Contato

Imprensa

Se você é imprensa cadastre-se e receba as notícias fresquinhas

Cadastre-se

Curta

Rua do Interventor, 510 - CEP 99940-000 - (54) 3374-1177

Horário de atendimento: 8h às 12h | 13h30 às 17h30

Visualizar mapa