Blitz alerta mulheres no Outubro Rosa



Blitz alerta mulheres no Outubro Rosa

Em Ibiaçá, a Secretaria de Saúde promove atividades durante todo o mês dentro da campanha mundial Outubro Rosa, pela conscientização no combate ao câncer de mama. Nesta sexta-feira (04), as agentes de saúde, realizaram uma blitz nas ruas e em estabelecimentos comerciais entregando materiais de divulgação e orientando a população à realizar os exames.

Na próxima terça-feira, dia 09 de outubro a Unidade Básica de Saúde terá horário estendido das 17h às 19 horas. 

O câncer de mama é o tipo de tumor mais comum entre as mulheres, respondendo por 22% dos novos casos de câncer no país a cada ano, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca). Só no Rio Grande do Sul, 5.210 novos casos da doença serão registrados até o fim deste ano, de acordo com estimativas do instituto. 

A importância do exame precoce

O exame precoce ajuda na identificação da doença que, se descoberta previamente, tem 95% de chance de cura. O SUS preconiza que a mamografia seja feita a partir dos 50 anos até os 69 anos, de dois em dois anos. Já a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM), a Sociedade Brasileira de Radiologia e a Febrasgo recomendam que o exame inicie a partir dos 40 anos e seja feito anualmente. No Rio Grande do Sul, apenas 27% das mulheres nessa faixa etária fizeram o exame

Novas tecnologias para o diagnóstico

Os testes genéticos, que procuram essas mutações, só são feitos quando a paciente preenche 20% dos quesitos de risco. Dessas, apenas 25% têm resultado positivo no teste, que são os casos tratados como câncer de fato.

Causas do câncer de mama

Entre os motivos que podem aumentar a probabilidade da doença estão obesidade, tabagismo, uso abusivo de álcool e histórico familiar. O câncer de mama ocorre por causa do desenvolvimento anormal de células, que se multiplicam repetidamente até formar um tumor maligno.

Mamógrafos espalhados pelo Estado

Hoje, são 330 mamógrafos cadastrados no Rio Grande do Sul para atender 497 cidades. Os aparelhos estão concentrados nos grandes centros urbanos.


Com informações do IMAMA Instituto da Mama do Rio Grande do Sul



Enviar por e-mail Imprimir

Galeria de fotos

Fale conosco

Mande suas críticas e sugestões para o portal

Contato

Imprensa

Se você é imprensa cadastre-se e receba as notícias fresquinhas

Cadastre-se

Curta

Rua do Interventor, 510 - CEP 99940-000 - (54) 3374-1177

Horário de atendimento: 8h às 12h | 13h30 às 17h30

Visualizar mapa